07 de março de 2021 - 12:01

Geral

ALERTA 18/02/2021 16:21

Inspeção é realizada no curso natural do rio Cocalzinho

 A equipe da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente esteve na manhã de terça-feira (09/02), realizando a inspeção no rio Cocalzinho, que tem sofrido com a falta de água nos últimos anos. A equipe composta pelo secretário, Flávio Dalmolin, engenheiro agrônomo, Célio Fernando e pelo biólogo e técnico agrícola, Amarildo Sampaio, estiveram in loco desde a nascente do rio percorrendo-o até as proximidades do Cisne Branco.

De acordo com o relatório, foi constatado que desde a nascente do rio, o fluxo de água está abaixo da sua normalidade, provavelmente pelo período prolongado de estiagem do ano de 2020, pois foi constatado que seus pequenos afluentes que descem da serra estão totalmente secos. A equipe também observou que há muitos trechos onde se concentram galhos, folhas e sedimentos, devido ao pisoteio de gado, prejudicando o fluxo das águas que já descem lentamente.

Em um outro trecho do rio, foi observado um desvio do curso para o abastecimento de um pequeno açude, para que animais possam beber água, mas é devolvida, pois não retira água do rio, já que o volume está abaixo do canal de entrada, e as águas voltam ao leito e seguem seu percurso natural. A equipe também visualizou logo mais abaixo, a interrupção do fluxo devido o canal estar com acúmulo de terra e material orgânico.

Com o pequeno volume de água, pouca chuva e o curso sendo interrompido,  a pouca quantidade de água não chega normalmente até o clube Cisne Branco, que ainda tem uma pequena quantidade do líquido correndo devido a um pequeno afluente que deságua no leito.

Uma solução encontrada pela equipe da Secretaria é a realização de uma limpeza nesses pontos de acúmulo de sedimentos e matéria orgânica, que podem contribuir para a melhora do fluxo da água. De acordo com o secretário, Flávio Dalmolin, a equipe está estudando a melhor forma de realizar essa limpeza no percurso do rio.


Copyright  - Nobres Noticias  - Todos os direitos reservados

Plantão
65 99217-1615