29 de novembro de 2020 - 13:07

Cidades

14/11/2020 21:18

OPINIÃO: Jogo sujo, baixaria e o perfil psicopata de puxa-sacos na campanha de Nobres

 

Ataques, baixarias e fake news foram o ponto alto da campanha eleitoral em Nobres. De todos os lados, o bombardeio diário de noticias falsas, memes e boatos movimentaram as redes sociais no município.
Nas mídias sociais  o tom do nível de discussão e dos golpes abaixo da cintura que estão sendo desferidos todos os dias, deixaram evidente e  translúcido, o perfil "psicopata", de puxa-sacos de plantão, pessoas desqualificadas de comportamento incompatível com o esperado em uma disputa sadia, um debate ideológico e de comprometimento com as causas sociais, o desenvolvimento e a cultura de uma gente, de um povo, foram deixados de lado.
O jogo sujo, a briga do poder pelo poder, trouxeram à tona o "modus operandi" das velhas ratazanas que se espreitam pelas entranhas do poder e na busca de retornar ao meio político desesperadamente. Sem escrúpulos, não mediram esforços para atacar adversários e correligionários.  A vida pessoal, profissional foram expostas diuturnamente, os ataques incessantes, de todos os lados, os candidatos sangraram, sangraram e sangraram, com as vísceras expostas, eles foram revirados, detonados e achincalhados pelo baixo clero.Barracos nos comitês, dividas de campanha, cabos eleitorais insatisfeitos, presidentes de partidos que literalmente botaram a "boca no trombone", demissões, amizades destruídas, este é o saldo de uma campanha que deixará suas marcas por muitos anos, até que tudo que foi divulgado seja esquecido, levará um bom tempo.
A fábrica de boatos e futricas está atuando a todo vapor, a central de destruição de reputações está azeitada e preparada para o combate vil.


Copyright  - Nobres Noticias  - Todos os direitos reservados

Plantão
65 99217-1615